Publicado por: correnteviva | dezembro 23, 2010

Então é Natal… É Festa Cristã…

Natal… festa cristã. Mas nem sempre foi assim.  O Natal tem sua origem na velha festividade pagã de adoração ao Sol. Se fizermos algumas pesquisas nos “googles da vida” podemos ver que a festa tem uma grande ligação com a festividade da brunária pagã (25/12), que seguia a Saturnália (17-24/12) celebrando o dia mais curto do ano e o “Novo Sol”. Eram festividades acompanhadas de muitas bebedeiras e orgias. Mais tarde, com a aprovação de Constantino (272 -337) passa a ser celebrada pelos cristãos como nascimento de Cristo. No significado pagão encontramos a adoração ao sol. O novo significado é visto Cristo como o “Sol de Justiça”.

Todos nós deveríamos sentir o coração alegre nesse tempo de graça. Como disse Simeão: “Agora, Soberano Senhor, podes despedir em paz o teu servo, segundo a tua palavra; porque meus olhos viram tua salvação, que preparastes em face de todos os povos, luz para iluminar as nações, e glória de teu povo, Israel” (cf. Lc. 2,29-32).

O Natal tem algo de mágico, não a magia romântica de histórias infantis, mas uma magia que contagia o coração de cada homem e de cada mulher na expectativa de algo novo. Não podemos reduzir a Festa de Natal a trocas de presentes e confundir seu espírito no toque dos sinos e músicas tradicionais.

O clima de Natal sensibiliza os corações mais duros. Sentimos vontade de voltar a ser criança e poder correr nas praças. Algo nos encanta e tem um cheiro especial no ar. Uma comida típica de família, um doce da vovó. Cada um tem o seu especial. Não sabemos explicar, mas algo novo está ai. Sentimos vontade de perdoar, de esquecer mágoas e viver novo tempo. Talvez essa seja a grande motivação do Natal, o renascimento. Uma vida nova surge. Por isso, se não vivemos o verdadeiro sentido do Natal, que é o nascimento de Cristo, esperança da humanidade, no dia seguinte apenas colhemos frutos de nossas “ressacas”.

Para muitos, o dia seguinte do Natal é pior que os dias anteriores. Nada de novo, apenas frustrações. Celebrar o Natal é possibilitar vida nova. É Cristo que nasce, é Cristo que deve nascer em cada coração humano. Aí sim poderemos colher os frutos de paz e justiça.

Belíssimas as palavras do profeta Isaias sintetizam muito bem essa experiência para nós quando diz: “lobo e cordeiro viverão juntos, o leopardo deitar-se-á ao lado do cabrito, bezerro e leão comerão juntos e até uma criança poderá cuidar deles” (cf Is. 11,1-10). Seria isso uma utopia? Não, não é utopia, mas sim, sinal de Natal, sinal de novos tempos, é Cristo que nasce. Se tivermos um feliz Natal, com certeza também teremos um ano novo cheio de paz. Um vai ser conseqüência do outro.

Muitos de nós esperam ganhar um presente de Natal. Ganhar um presente significa que necessitamos de algo. Não vamos confundir nossas necessidades materiais com necessidades espirituais e psicológicas. Que saibamos controlar nossas expectativas e mais ainda, saibamos definir o que mais necessitamos. Que saibamos também discernir do que mais nosso próximo precisa. Será que precisa de uma roupa, um objeto, um abraço, afeto, carinho, obrigado? Busquemos ser presença sincera de Luz – Jesus para nosso semelhante.

Feliz Natal!!

Pe. Benedito Carlos Alves dos Santos, Mestre em Direito Canônico e Psicólogo


Responses

  1. Nada mais oportuno do que festejar o nascimento do Deus Menino nessa época, substituindo as festas profanas do calendário pagão pelo Natal de Jesus, o Deus Menino, o deus Forte, Pai da Eternidade e Príncipe da Paz, que veio redimir a humanidade que gemia sob o peso da opressão dos poderosos e de seus pecados, Por isso, oas anjoas do Senhor cantaram Glória a Deus nas Alturas e na Terra, paz!!! Feliz Natal e que Jesus Menino renasça mais uma vez em nossos corações e em nossas vidas. (Francisco C. Martins – Jornalista, escritor e de teólogo da Libartação.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: